fbpx
Cerca elétrica ou concertina: vantagens e desvantagens de cada uma

Cerca elétrica ou concertina: vantagens e desvantagens de cada uma

Cerca elétrica ou concertina? Esses são dois dos sistemas mais comuns para proteção perimetral. Por esse motivo, fica até difícil escolher qual é o melhor para ser instalado no imóvel.

Preferência de muitos, a cerca elétrica tem custos maiores de instalação e manutenção, enquanto a concertina tela farpada pode desagradar alguns pelo visual agressivo. Para ajudar nessa escolha, vamos lhe mostrar um pouco dos dois equipamentos neste artigo. Acompanhe!

Como funciona a concertina tela farpada?

Também chamada de “Razor Wire” ou “Ouriço”, a concertina tela farpada tem uma estética agressiva, mas é uma excelente proteção perimetral para qualquer tipo de patrimônio. Esse tipo de fita farpada significa sérias consequências para quem tentar transpor o limite protegido.

A concertina é barata, requer pouca manutenção e tem uma vida útil longa. Além disso, seu visual agressivo já é bem intimidador para potenciais invasores. Entretanto, é preciso tomar cuidados extras com crianças quando esse equipamento estiver instalado, já que os danos causados pela fita farpada são gravíssimos.

Um alerta especial vai para quem tem animais domésticos: acidentes com a concertina podem acontecer e são especialmente perigosos para gatos.

Quais são os benefícios da concertina?

Como já foi mencionado, a concertina muitas vezes é a opção principal quando existe a ideia de criar proteção perimetral. No Brasil, a barreira é instalada em qualquer tipo de estabelecimento, seja ele comercial ou residencial.

Por conta da estrutura parecida com espiral, as lâminas em aço galvanizado inoxidável são altamente cortantes e proporcionam alto risco para limitar a passagem de pessoas ou animais na região definida.

Dessa forma, o elevado nível de intimidação é o maior benefício da concertina — que talvez possua mais vantagens em relação à cerca elétrica neste quesito. De toda forma, quem opta por esse tipo de proteção também perceberá vantagens imediatas em relação a:

  • custo-benefício de uso: em regra, a opção costuma ter valores mais competitivos;
  • manutenção baixa: o aço inoxidável é extremamente resistente, suportando bem situações de Sol ou chuvas.

A tecnologia também trouxe avanços no ramo de segurança e já existem diversas variáveis da concertina tradicional. O mercado oferece opções customizadas, as quais possuem alarme ou tensão elétrica. Certamente, uma ótima opção para quem quer agregar valores de excelência na segurança.

Como funciona a cerca elétrica?

Uma das soluções mais comuns para segurança perimetral, a cerca elétrica tem uma estética discreta, um efeito inibidor potente e alto grau de proteção.

O choque da cerca bem instalada é pulsativo, de alta tensão e baixa corrente. Isso significa que não causa queimaduras e não faz com que as pessoas fiquem presas. Por esse motivo, acidentes com crianças ou animais de estimação são bem menos perigosos.

Ao mesmo tempo, é um choque bem desagradável com um efeito moral repressivo imenso. Em caso de rompimento ou aterramento de um dos fios, o alarme é acionado imediatamente e, dependendo do sistema, pode acionar por telefone números programados e a central de monitoramento.

É importante adquirir esse equipamento de um fornecedor confiável e jamais tentar soluções improvisadas ou caseiras. A cerca elétrica precisa seguir uma série de normas e padrões. Caso esse equipamento seja mal feito ou mal instalado, acaba se tornando mais perigoso do que seguro.

Quais são os benefícios da cerca elétrica?

Inicialmente, cabe ressaltar que as cercas elétricas podem trabalhar com uma espécie de alarme previamente embutido no seu sistema de segurança. Dessa forma, além da própria descarga elétrica, o suposto invasor é repelido por conta do sinal sonoro que é emitido.

Outro ponto relevante é o fato de muitos pensarem que a cerca é uma opção inviável por conta do seu alto risco, entretanto, quando o equipamento é instalado da forma correta e acompanhado pela análise de uma empresa experiente, a proteção pode ser um diferencial.

No Brasil, a maioria das empresas seguem as normas de instalação pautadas na metodologia do Canadá. De toda forma, existem normativas emitidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) que estipulam critérios para o uso correto do equipamento. Isso garante um planejamento mais eficiente e pontos adicionais para quem quer segurança no ambiente com alta confiabilidade.

Outra grande vantagem é que, ao contrário do que muitos pensam, a cerca elétrica possui um consumo muito baixo de energia. Isso porque o sistema trabalha com uma tecnologia de alta voltagem e baixa amperagem.

Também possui uma estrutura mais simples e com resistência superior. Mesmo com as manutenções que precisam ser feitas, a solução é acompanhada de um excelente custo-benefício quando a proteção precisa ser mantida por longos períodos.

Qual opção é a mais adequada?

As vantagens da cerca elétrica são o alarme, o choque que faz bem seu trabalho sem efeitos letais e a estética mais discreta. As desvantagens desse sistema são a instalação mais cara e custo de manutenção maior e mais frequente.

Já a concertina é vantajosa pelo seu baixo custo e manutenção quase nula. O visual agressivo pode ser um ponto positivo para espantar invasores, mas afeta de forma mais drástica a fachada do imóvel e pode desagradar o gosto estético de alguns proprietários.

Além disso, a concertina também é mais perigosa para animais domésticos e crianças. Por outro lado, a cerca elétrica só representa perigo para os moradores se for instalada com improvisos e descumprindo as normas da ABNT.

A escolha do equipamento deve estar relacionada ao tipo de imóvel, se existem crianças e animais no local e, claro, o investimento disponível. São dois sistemas excelentes de proteção com grau de eficácia comprovado, portanto a decisão entre cerca elétrica ou concertina deve ficar nos detalhes e preferências pessoais.

Por que receber acompanhamento profissional?

Como abordamos, as soluções de segurança podem trazer um diferencial para o dia a dia de empresas ou condomínios residenciais. Em todos os casos, sua proteção deve ser acompanhada por profissionais que entendem do assunto e que auxiliem na escolha do material correto para o ambiente.

Apesar da indecisão em optar por cercas elétricas ou concertinas, a melhor opção sempre será aquela que se encaixa em um contexto específico. Portanto, não deixe de pesquisar o mercado, encontrar recomendações de outros usuários e identificar aquelas funcionalidades que podem agregar valor para você.

E então, leitor? O que achou das diferenças entre a cerca elétrica e a concertina? Caso tenha gostado do material, aproveite para compartilhá-lo nas redes sociais e se tornar referência no assunto proteção!

E pensou em segurança, entre em contato com a ITA 24 Horas e converse com os nossos especialistas.

Deixe uma resposta

Fechar Menu