fbpx
Como manter Pessoas Idosas em Segurança
Casal de idosos seguros e felizes com qualidade de vida

Como manter Pessoas Idosas em Segurança

Embora a idade traga a experiência adquirida com os anos, as dificuldades físicas também surgem. Porém é possível tomar certos cuidados para preservar a segurança e prevenir tragédias.

Troque as maçanetas para o tipo alavanca

As maçanetas redondas tendem a ter uma maior dificuldade de adesão e serem mais escorregadias. As do tipo alavanca tem uma mecânica da qual além de ser demais aderência, ainda é necessário utilizar de menos força.

Os fios não devem estar espalhados no caminho.

Com tantos aparelhos eletrônicos, é comum que tenhamos em nossas casas vários fios. A questão é que alguém pode acabar tropeçando neles e para idosos uma leve queda pode trazer problemas preocupantes.

Fixe os fios nas paredes e evite fiações espalhadas pelo chão para evitar Acidentes.

Cuidado com as pontas e quinas dos móveis

Deve-se evitar móveis que tenham quinas com pontas em ângulo reto.
Adquira móveis de pontas arrendondadas ou coloque proteções nas pontas de móveis e objetos que não possam ser substituídos.

É preciso um banheiro adaptado

Azulisos lisos e molhados são fatores que tornam o banheiro uma área perigosa.

Para evitar acidentes graves coloque tapetes de borracha que são fixados ao chão para que a pessoa tenha maior aderência ao pisar.

Coloque barras de apoio dentro do boxe, assim como ao lado da pia e do vaso sanitário.

Mais uma forma de proteger o idoso é elevar o assento do vaso sanitário, para que este flexione menos as pernas e tenha mais estabilidade na hora de se levantar.

Atenção com as escadas

Todo mundo está sujeito a tropeçar e se machucar em escadas, porém para quem já não tem tanta resistência, coordenação e força física, elas podem ser extremamente perigosas.

Se for reformar o imóvel, construa rampas com corrimão e piso antiderrapante. Caso não seja viável, utilize sinalizadores nos degraus das escadas para ajudar na visualização, mantenha o local com boa iluminação e com um corrimão.

Garanta um andar seguro

Utilize sensores de presença que possibilitem que o local fique bem iluminado sem precisar de um acesso prévio a um interruptor.

Coloque corrimão em todas as paredes que levam aos cômodos da casa para que a pessoa idosa possa se apoiar.

Retire tapetes, móveis, cômodas e qualquer obstáculo que possa prejudicar a livre locomoção ou oferecer risco.

Instale câmeras e monitoramento

Câmeras e monitoramento além de proteger a casa de possíveis roubos e invasões ainda permitem que você possa ver o idoso via câmera quando estiver fora.

Assim, caso algum acidente ocorra e o idoso não consiga acesso a um celular, ao verificar se está tudo bem, você possa retornar em casa, ligar para uma ambulância e resolver a situação. Em casos de acidentes, quanto mais rápida a ação, melhor.

É necessário frisar que todos estes serviços devem ser prestados por pessoas competentes.

No caso do monitoramento, é ainda mais importante um sistema que faça testes periódicos para evitar falhas. Neste caso é importante contratar uma empresa experiente e especializada.

Deixe uma resposta

Fechar Menu